Esporte Notícias

Bola de Lata: ‘seleção’ dos piores do Brasileiro tem dois do Cruzeiro e reforço badalado do Atlético-MG

Compartilhe

© Gazeta Press Sassá entra na seleção “Bola de Lata” com pior média do campeonato

Se o Flamengo dominou o Campeonato Brasileiro e também o ESPN Bola de Prata Sportingbet de 2019, o mesmo não se pode dizer daqueles que, seguindo os mesmos critérios do prêmio, levariam a “Bola de Lata”, uma “seleção” com os donos das piores médias de pontuação da temporada.

Lembrando: para aparecer na lista, assim como para ganhar a Bola de Prata na cerimônia que aconteceu na segunda-feira, o atleta precisou ter atuado, no mínimo, 19 vezes no Brasileiro.

A “seleção Bola de Lata” é dominada por times rebaixados. Todos os quatro que caíram têm dois representantes, incluindo o Cruzeiro, que teve o pior jogador do campeonato em termos de pontuação: o atacante Sassá, único com média abaixo de quatro, 3,94.

Teve, contudo, também representante do maior rival celeste, o Atlético-MG, que teve Geuvânio, reforço que chegou badalado, mas não correspondeu, entre os piores atacantes. Ele venceu, por muito pouco, aliás, um outro cruzeirense: Marquinhos Gabriel, também com média baixíssima.

O outro cruzeirense “Bola de Lata” é Egídio, que forma a defesa Bola de Lata ao lado de Vladimir (Avaí), Yago (Goiás), Gum (Chapecoense) e Ricardo Thalheimer (Avaí). No meio-campo, estão a dupla do CSAJoão Vitor e Jean Cleber, Luiz Fernando (Botafogo) e Gustavo Campanharo (Chapecoense).

Veja como ficou a “seleção Bola de Lata”:
Assim ficou a “seleção Bola de Lata” de 2019!Assim ficou a “seleção Bola de Lata” de 2019!

ESPN.com.br

Leia também: