Início Economia Caixa divulga novas datas de pagamento das 1ª, 2ª e 3ª parcelas...

Caixa divulga novas datas de pagamento das 1ª, 2ª e 3ª parcelas do auxílio emergencial

113
0
O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, apresentou, nesta sexta-feira (26), o calendário de pagamento do primeiro lote da terceira parcela do auxílio emergencial do Governo Federal. Na entrevista, ele também falou sobre os novos lotes de pagamentos da primeira e segunda parcela do benefício.

Caixa Econômica Federal dá início neste sábado (27) ao pagamento da terceira parcela. O primeiro lote será destinado aos beneficiários que receberam a primeira parcela até o dia 30 de abril e não fazem parte do calendário do Bolsa Família. No total, serão disponibilizados mais R$ 19,7 bilhões para 31 milhões de pessoas.

Assim como foi feito no calendário da segunda parcela, os valores de R$ 600 e R$ 1.200 serão depositados na Conta Poupança Social Digital da Caixa, de maneira escalonada conforme o mês de aniversário do beneficiário.

O crédito das parcelas poderá ser antecipado em compras com o cartão de débito virtual ou por meio de maquininhas em lojas físicas (QR Code). Também será possível realizar pagamentos de boletos e concessionárias.

O presidente destacou o esforço em manter o atendimento digital, a fim de evitar aglomerações nos pontos de atendimento, seguindo os protocolos de prevenção do período de pandemia.
Confira as datas de pagamento:
1º lote da 3ª parcela

Destinado a quem recebeu a primeira parcela até dia 30 de abril e não faz parte do Bolsa família
Crédito em Poupança Social Digital

27/06 – 4,9 milhões de brasileiros nascidos em janeiro/fevereiro
30/06 – 5,2 milhões nascidos em março/abril
01/07 – 5,2 milhões nascidos em meio/junho
02/07 – 5,1 milhões nascidos em julho/agosto
03/07 – 5,2 milhões nascidos em setembro/outubro
24/07 – 5 milhões nascidos em novembro/dezembro

Saque em espécie

18/07 – nascidos em janeiro
25/07 – nascidos em fevereiro
01/08 – nascidos em março
08/08 – nascidos em abril
15/08 – nascidos em maio
29/08 – nascidos em junho
01/09 – nascidos em julho
08/09 – nascidos em agosto
10/09 – nascidos em setembro
12/09 – nascidos em outubro
15/09 – nascidos em novembro
19/09 – nascidos em dezembro

2º lote da 2ª parcela

Destinado a quem recebeu a primeira parcela entre os dias 16 e 29 de meio e não faz parte do Bolsa Família

Crédito em Poupança Social Digital

27/06 – 1,4 milhões de brasileiros nascidos em janeiro/fevereiro
30/06 – 1,5 milhões nascidos em março/abril
01/07 – 1,5 milhões nascidos em meio/junho
02/07 – 1,5 milhões nascidos em julho/agosto
03/07 – 1,4 milhões nascidos em setembro/outubro
24/07 – 1,4 milhões nascidos em novembro/dezembro

Saque em espécie

18/07 – nascidos em janeiro
25/07 – nascidos em fevereiro
01/08 – nascidos em março
08/08 – nascidos em abril
15/08 – nascidos em maio
29/08 – nascidos em junho
01/09 – nascidos em julho
08/09 – nascidos em agosto
10/09 – nascidos em setembro
12/09 – nascidos em outubro
15/09 – nascidos em novembro
19/09 – nascidos em dezembro
4º lote da 1ª parcela

Novo grupo de beneficiários aprovados pela Dataprev

Crédito em Poupança Social Digital

27/06 – 0,2 milhões de brasileiros nascidos em janeiro/fevereiro
30/06 – 0,2 milhões nascidos em março/abril
01/07 – 0,2 milhões nascidos em meio/junho
02/07 – 0,2 milhões nascidos em julho/agosto
03/07 – 0,2 milhões nascidos em setembro/outubro
24/07 – 0,1 milhões nascidos em novembro/dezembro

Saque em espécie

18/07 – nascidos em janeiro
25/07 – nascidos em fevereiro
01/08 – nascidos em março
08/08 – nascidos em abril
15/08 – nascidos em maio
29/08 – nascidos em junho
01/09 – nascidos em julho
08/09 – nascidos em agosto
10/09 – nascidos em setembro
12/09 – nascidos em outubro
15/09 – nascidos em novembro
19/09 – nascidos em dezembro

Anúncio presidencial

Nessa quinta-feira (25), durante live semanal nas redes sociais, o presidente Jair Bolsonaro informou que o auxílio emergencial vai pagar um adicional de R$ 1,2 mil. O valor será dividido em três parcelas. “Vamos partir para uma adequação. Deve ser, estamos estudando, R$ 500, R$ 400 e R$ 300”, afirmou o presidente, que estava ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes.

O auxílio é destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais, autônomos e desempregados, como forma de fornecer proteção emergencial no enfrentamento à crise causada pela pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Agência Brasil
JC

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui