Início Notícias CPF cancelado: Foragido da Justiça autor de 24 homicídios é morto pela...

CPF cancelado: Foragido da Justiça autor de 24 homicídios é morto pela PM no interior de PE

265
0

 

Um foragido da Justiça de Alagoas foi morto a tiros na manhã deste sábado (1º) após resistir ao cumprimento de um mandado de prisão em Canhotinho, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Civil, Erivaldo Francisco Neves de Oliveira, de 49 anos, conhecido como “Cabelinho”, passou mais de 30 anos preso e havia deixado a prisão em fevereiro deste ano. Ele é autor confesso de 24 homicídios, sendo 13 deles cometidos dentro da cadeia.

Das 13 vítimas de Erivaldo dentro da prisão, uma foi o irmão dele, que teve uma das mãos e o coração arrancados. À produção da TV Asa Branca, a Polícia Civil disse que Erivaldo armou uma emboscada para matar o irmão no pátio do presídio. Todas as 24 vítimas foram mortas a facadas.

Segundo a polícia, o autor confesso dos crimes atirou três vezes contra os policiais que estavam cumprindo o mandado. A equipe revidou com um tiro, que atingiu Erivaldo Franciso. Ele foi socorrido e teve a arma apreendida, mas não resistiu aos ferimentos.

Ainda conforme informou a Polícia Civil, ele estava em liberdade condicional e não poderia sair do estado de Alagoas nem deixar de usar a tornozeleira eletrônica. Erivaldo Francisco se tornou foragido da Justiça após tirar a tornozeleira e ir para Canhotinho.

Erivaldo Francisco Neves de Oliveira estava preso desde 1990 e era natural de Canhotinho. Participaram da ação as Polícia Civil de Pernambuco e Alagoas, e a Polícia Penal de Alagoas. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Caruaru.

Do G1 Caruaru

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui