Notícias Pernambuco

Criadores do Sertão de PE têm até o dia 31 de maio para vacinar o rebanho contra a febre aftosa

Compartilhe:

Criadores de bovinos da regional de Petrolina, que abrange Dormentes, Santa Maria, Afrânio, Lagoa Grande e Orocó, no Sertão de Pernambuco, têm até 31 de maio para vacinar o rebanho contra a febre aftosa. A campanha começou na quarta-feira (1). A multa para quem deixar de vacinar é de R$ 5,32 por animal e R$ 127,69 por propriedade não declarada.

Prazo para certificação de aftosa termina dia 31 de maio — Foto: Reprodução/TV ClubePrazo para certificação de aftosa termina dia 31 de maio — Foto: Reprodução/TV Clube

Prazo para certificação de aftosa termina dia 31 de maio — Foto: Reprodução/TV Clube

De acordo com a Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro), a vacina deve ser adquirida em lojas veterinárias licenciadas. Depois da compra, o criador terá 10 dias para comprovar a vacinação em qualquer unidade da Adagro.

Este ano, a primeira etapa da vacinação tem uma novidade. A vacina contra a febre aftosa vai ter sua dose reduzida de 5 ml para 2 ml na primeira etapa de vacinação de bovinos e bubalinos. A mudança da dose está prevista no programa nacional de erradicação e prevenção da febre aftosa (pnefa), que deverá culminar com a retirada total da vacinação no Brasil prevista até 2021.

Por G1 Petrolina

Leia também: