Pernambuco

Dez pessoas são indiciadas por cartel nos preços de combustível

Compartilhe:

JC Oline


A Polícia Civil indiciou dez pessoas nesta quarta-feira (23) pelo crime de formação de cartel em Pernambuco. Alfredo Pinheiro Ramos, presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo de Pernambuco (Sindicombustíveis-PE), os três funcionários do sindicato presos no dia 15 deste mês na deflagração da “Operação Funil”, mais seis empresários do ramo de combustíveis no Estado, são acusados de coagir proprietários de postos para alinharem os preços dos combustíveis com valores similares.

De acordo com o delegado Germano Cunha Bezerra, da Delegacia de Crimes Contra a Ordem Tributária (Decoot), à frente do caso, “está devidamente demonstrado nos autos” que os acusados realizavam diversas práticas com o intuito de formar um cartel de preços nos postos de combustível. O caso vai seguir para a 2ª Vara Criminal de Vitória de Santo Antão. Bezerra comentou que o destino dos acusados, agora, está nas mãos da Justiça: “Todas as medidas cautelares, como prisões preventivas, agora estão a cargo do Judiciário”.

Relembre

Na semana passada, a Polícia Civil deflagrou a Operação Funil, que investiga a cartelização do mercado de combustível em vários municípios pernambucanos. A polícia trabalhou no caso desde julho de 2017. Foram presos três funcionários do Sindicombustíveis-PE. Além dos três mandados de prisão, foram cumpridos 27 mandados de busca e apreensão, sendo 17 deles em postos e os outros 10 em residências, nas cidades de Abreu e Lima, Igarassu, Moreno, Vitória de Santo Antão, Paudalho, Glória do Goitá, Pombos, Gravatá e Bonito.

O presidente do sindicato em coletiva, no mesmo dia, afirmou que estes três homens iam de postos em postos “prestar serviços” sobre “qualidade dos combustíveis”. Os funcionários aguardam o julgamento no Centro de Triagem Professor Everaldo Luna (Cotel) em Abreu e Lima.

Leia também…

Polícia deflagra operação para desarticular grupos criminosos no Sertão de PE

Submetralhadora que matou vereadora Marielle sumiu da Polícia Federal

Após acordo com o Congresso, Temer vai reduzir imposto para frear alta dos combustíveis no País

Caminhoneiros bloqueiam BR-316 em protesto contra aumento nos combustíveis

PT terá ato no Recife para lançamento da pré-candidatura de Lula

STF impõe nova condenação a Maluf, por falsidade ideológica

ONU rejeita pedido de Lula para sair da prisão

Mensalão mineiro: TJ-MG decreta prisão de Eduardo Azeredo

O próprio Humberto lançou candidatura de Marília, diz Luciano Duque

Marília é destaque na coluna de política do jornal Valor Econômico

Em ano de reeleição, Paulo Câmara tira R$ 1 milhão da segurança pública para colocar no FEM

Leia também: