Brasil Notícias

“Eu encontrei um sentido”: Whindersson Nunes fala sobre melhora na depressão

Compartilhe:

© Antonio Milena depressão-de-Whindersson-Nunes

 

 

depressão de Whindersson Nunes foi discutido em uma entrevista para o Fantástico, neste Domingo (14). O humorista já vem enfrentando a doença há alguns meses, porém só agora se sentiu confortável para falar sobre tudo que passou. Confira mais detalhes!

A depressão de Whindersson Nunes apresenta melhora

Whindersson é um dos maiores humoristas e youtubers do momento. Ele tem milhões de seguidores no Instagram e YouTube, além de possuir uma agenda lotada o tempo todo. Contudo, viver essa rotina corrida foi um agravante para a sua depressão.

O problema não foi percebido nem pelos fãs e nem por ele próprio de início. O comediante contou que só “não sentia tanta vontade de viver” e que “estava triste fazia alguns anos”.

Com todo esse sentimento de infelicidade, Whindersson cancelou seus shows por três meses e procurou ajuda de um profissional. Sendo assim, foi diagnóstico com a doença.

Questionado pela repórter sobre a depressão, o astro falou como se sentiu ao descobriro quadro sendo uma figura pública. Por vezes ele pensou que era errado passar por isso, pois Whindersson tinha tudo que as pessoas sonhavam em ter algum dia: dinheiro, estabilidade, casamento perfeito, entre outros.

“Assim… É justo o questionamento das pessoas. É justo. Poxa, tem tudo, tem dinheiro, tem a viagem dos sonhos, tem isso, tem aquilo. E eu que sou trabalhador, brasileiro, trabalho de 6 às 18h, tenho criança pra sustentar, tenho três filhos e isso e aquilo, eu que deveria ter. Tipo… Não é algo que me revolta, porque a pessoa fala isso”, disse.

Dinheiro era um grande questionamento para o Whindersson 

“Na verdade, é um problema pra mim. Porque eu penso: Poxa, realmente eu não devia ter passado por isso”. Depois disso, Whind procurou ajuda de profissionais e chegou a conclusão que o trabalho em excesso pode fazer mal à sanidade mental.

“Eu virei um cara que tenho as minhas coisinhas e tudo mais. Mas você chega naquele momento e fica: e aí? Dinheiro, dinheiro, dinheiro e ai? O que eu vou fazer? Eu posso pagar os melhores profissionais, mas tem gente que não pode”, contou o humorista.

Uma ideia brilhante

Para ajudar as pessoas que não apresentam boas condições de vida e que não podem pagar por um psicólogo/psiquiatra, Whindersson está desenvolvendo um aplicativo pensando em quem sofre com depressão.

A intenção do aplicativo é conectar gente que precisa de ajuda com gente que pode ajudar. Só que essas pessoas que querem ajudar são profissionais, voluntários“, explica.

Atualmente, a depressão de Whindersson Nunes apresenta uma grande melhora. “Hoje eu me sinto bem pra falar e, quem quiser perguntar, pode perguntar e eu vou falar. Eu me sinto feliz, eu me sinto uma pessoa feliz. Sinto que eu estou fazendo o que tinha pra fazer, que eu encontrei um sentido“, afirma.

Todateen

Leia também: