Brasil Notícias

Ex-piloto de Stock Car Tuka Rocha morre vítima de acidente com aeronave na BA, afirma Sesab

Morreu na manhã deste domingo (17), em Salvador, o ex-piloto de Stock Car Tuka Rocha, vítima da queda de um jato executivo em Maraú, no baixo sul da Bahia, na quinta-feira (14). A informação é da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab). Neste sábado chegou a ser anunciado sua morte, mas a notícia foi desmentida posteriormente. Trata-se da terceira morte confirmada após o acidente.

Outras sete pessoas continuam internadas.

Christiano Chiaradia Alcoba Rocha, 36 anos, conhecido como Tuka Rocha, morreu às 6h20, no Hospital Geral do Estado (HGE), na capital baiana, segundo a Sesab. Ele estava na unidade desde sexta-feira (15), quando havia sido transferido do Hospital Municipal de Salvador. Tuka teve 80% do corpo queimado.

Não há informações sobre o sepultamento dele.

Em 2011, o ex-piloto da Stock Car já tinha escapado de um grave acidente, quando o carro que ele pilotava em uma competição pegou fogo, no Rio de Janeiro. Ele conseguiu se jogar do veículo.

Vítimas

A queda do jato executivo aconteceu na pista de pouso de um resort de luxo que está desativado. Morreram Maysa Marques Mussi, de 27 anos, e a irmã dela, a jornalista Marcela Brandão Elias, de 37 anos.

Os outros ocupantes da aeronave ficaram feridos e estão internados em hospitais de Salvador. São eles:

Aires Napoleão, de 66 anos, que pilotava o jato
Fernando Oliveira Silva, de 26 anos,
Marcelo Constantino, de 28 anos, neto do Nenê Constantino, fundador da Gol
Marrie Cavelan, de 27 anos
Eduardo Mussi, irmão do deputado licenciado Guilherme Mussi
Eduardo Trajano Telles Elias, de 38 anos, que era casado com Marcela Brandão Elias
Eduardo, de 6 anos, filho de Eduardo e Marcela.

Por G1 BA

Leia também: