Início Entretenimento O quê? Quem? Quando? Onde? Porquê? Como?

O quê? Quem? Quando? Onde? Porquê? Como?

254
0

1 O quê? Quando? Quem? Como? Onde? Porquê?

2 Uma Reportagem (notícia) Novidade Enfoque: O que se sabe? O que não se sabe?

3 Pauta Quem pode ajudar? Documentos Pessoas Lugares

4 Apuração Fontes Quem pode dar a informação? Imprensa Sonora Audio/visual Digital Edição

5 Objetividade: a linguagem jornalística deve ser objetiva e evitar termos literários, como metáforas e linguagem conotativa. Isso acontece porque a mensagem deve ser transmitida de maneira clara, a fim de que sejam evitadas diferentes interpretações e possíveis dificuldades do leitor em compreender aquilo que está sendo dito ou lido. Simplicidade: a linguagem jornalística deve prezar por termos aceitos no registro formal da língua, evitando vícios de linguagem e vocábulos eruditos ou obsoletos. Imparcialidade: deve evitar expressões que denunciem a opinião de quem escreve a notícia para que o leitor possa fazer seu próprio juízo de valor sobre aquilo que está expresso no jornal. Linguagem referencial: o foco deve ser mantido na notícia. Empatia com o leitor: a linguagem jornalística deve projetar no leitor os sentimentos daqueles que estão envolvidos na notícia. Linguagem narrativa: predominantemente há a ocorrência da narração, gênero associado aos verbos carregados de ação. A narração confere maior ritmo aos fatos, assim como linearidade. Universalidade: os fatos narrados devem ser de interesse geral, evitando assuntos que sejam de pouca relevância para a sociedade. O estilo jornalístico pode ser facilmente notado em um texto, pois alguns elementos aparecem com bastante frequência: Frases curtas: estão associadas à objetividade do texto, lembrando que a notícia deve demandar pouco tempo de leitura, por isso a preferência por esse tipo de construção frástica.

Fonte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui