Notícias Saúde

Plantão Jurídico da Aduseps garante transferência hospitalar para idoso, usuário do SUS

Compartilhe:

Paciente, que aguardava, há quase uma semana, cirurgia e internamento em UTI, foi transferido ainda ontem (27), horas após Justiça conceder liminar favorável.

Uma ação proposta pela Aduseps durante plantão no último fim de semana garantiu, para um paciente de 74 anos, usuário do Sistema Único de Saúde, transferência para hospital com suporte ao procedimento de urgência de que necessita. Liminar concedida no fim da tarde de ontem (27) deu um prazo de 24 horas para que o Estado de Pernambuco providenciasse a realização de cirurgia vascular no idoso, conforme laudo médico, e posterior transferência para Unidade de Terapia Intensiva (UTI), em hospital público ou privado.

Internado há quase uma semana, em estado gravíssimo, na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de São Lourenço da Mata, o idoso aguardava transferência para realização de cirurgia. “No fim da tarde do sábado (26), o neto do paciente entrou em contato conosco, preocupado com a falta de assistência por parte do Estado. Já com posse dos documentos necessários, como o laudo médico, ingressamos com a ação de urgência no dia seguinte”, conta Leonardo Rodrigues, advogado da Aduseps.

A decisão favorável, bem como o cumprimento da ordem judicial, foram rápidas. “Por volta das 14h30, uma hora e meia após a abertura do Plantão Judiciário, a liminar foi concedida; e, por volta das 17h30, o neto do idoso ligou-nos informando que o paciente já estava sendo transferido para o Hospital Nossa Senhora de Lourdes, em Jaboatão dos Guararapes, unidade que é referência em procedimentos vasculares”, comemora o advogado.

Caso descumprisse a decisão, o Estado de Pernambuco teria que pagar multa diária de R$ 1 mil, conforme a liminar, assinada pelo juiz plantonista Sérgio José Silveira Lopes.

Leia também: