Início Notícias Prefeitura de Paulo Afonso-BA publicará novo decreto após taxa de ocupação da...

Prefeitura de Paulo Afonso-BA publicará novo decreto após taxa de ocupação da Upa Covid atingir 100% e aumento de casos

0

O aumento do número de casos de Covid-19 nos últimos dias em Paulo Afonso e a taxa de ocupação na UPA Covid chegar a 100% refletiu em outras medidas para os estabelecimentos do município. Nesta terça-feira (12), um novo decreto reforça as ações a serem adotadas pelo comércio, bares e restaurantes entre outras categorias, para evitar a proliferação.

As regras foram discutidas durante reunião realizada nesta segunda-feira (11), após o pico do domingo (10), demonstrando o acelerado crescimento dos infectados, bem como a taxa de ocupação da UTI Covid do HMPA, que chegou a 70%. O encontro reuniu o vice-prefeito Marcondes Francisco, secretários municipais, equipe da saúde e a comunicação.

Os números, de acordo com equipe, causam um grande alerta para a população e a administração pública. De acordo com levantamento da Vigilância em Saúde, de 22 de dezembro a 10 de janeiro, os casos passaram de 1539 para 1816, o que chegou ao pico de 23,2 casos por dia. “Esse é um dado bastante preocupante e precisamos contar com a colaboração de todos para que não tenhamos que enfrentar o que aconteceu neste dia 10 de janeiro, onde tivemos 100% de ocupação dos leitos da Upa Covid, além de 70% da UTI do HMPA”, explica o secretário interino de Saúde, Adonel Júnior.

Ele ressalta que o apoio da população é fundamental, tomando as medidas preventivas e ajudando também a fiscalizar. “A pandemia é um problema coletivo, é uma questão de saúde pública e de responsabilidade de todos. Não adianta o poder público tomar medidas e ações e os munícipes não fazerem a lição de casa, então estaremos todos unidos para que possamos reduzir o número de casos e evitar a proliferação. Para tanto, vamos contar também com os diversos segmentos comerciais e econômicos para que não venhamos, a curto prazo, realizar outras medidas mais drásticas, como assistimos em outras cidades do país e até mesmo em países da Europa”, diz o secretário.

A superintendente da Vigilância em Saúde, Micheline Moreira, explica que dentre as ações a serem adotadas nos próximos dias, está o reforço na fiscalização dos estabelecimentos de forma geral, inclusive com o aumento do número de equipes. “A partir desta quarta-feira (13), estaremos com o aumento das equipes de fiscalização nos diversos segmentos para observar o cumprimento do que foi estabelecido no novo decreto, medidas essas que foram repassadas pelo município em diversos documentos oficiais, mas que não estão sendo cumpridas, e agora serão reforçadas e cobradas. É preciso que a população entenda que o que estamos querendo é a preservação da vida. Esse vírus não é brincadeira e tem causado muita tristeza nas famílias, com a morte de entes queridos”, fala Micheline.

Por REDAÇÃO – PA4.COM.BR COM ASCOM/PMPA

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui