Pernambuco

São José do Belmonte: Em 2017, Romonilson economizou R$ 1,7 milhão em combustíveis

Compartilhe:

Desde que assumiu o comando da Prefeitura de São José do Belmonte, no início de 2017, o prefeito Romonilson Mariano vem trabalhando forte para enxugar a máquina pública.

Neste contexto, o que mais chama a atenção é a economia de mais de R$ 1,7 milhão em combustíveis, em relação a 2016, último ano da gestão do ex-prefeito Marcelo Pereira. Em 2016, Marcelo gastou mais de R$ 2,6 milhões, valor muito alto em relação aos R$ 959.561,48 das despesas de 2017 com combustível.

Apesar de ser um empresário do ramo, Romonilson apostou na construção de um posto de abastecimento próprio para a prefeitura e começou a comprar combustível diretamente da distribuidora e deu muito certo.

Com as economias que vem realizando em todos os aspectos, o gestor já conseguiu investir forte na Saúde e Educação, em apenas 1 ano e 3 meses de gestão.

Na Saúde, Romonilson comprou uma UTI Móvel, um bloco cirúrgico, um aparelho de Raio-X, montou um novo laboratório de análises clínicas, investiu forte no estoque da farmácia municipal, reformou e equipou todas as unidades de saúde com aparelhos e móveis necessários para o bom e mais completo atendimento ao cidadão. O gestor implantou também o Programa Saúde da Gente, que leva atendimento médico e medicamentos diariamente paras os lugares mais distante do município, onde o acesso as Unidades de Saúde é mais difícil.

Já na Educação, o investimento ultrapassa os R$ 3 milhões. A construção de uma escola na comunidade da Lagoa Nova e a reforma, ampliação e climatização de 19 escolas na sede e zona rural trouxeram um novo legado para o futuro dos belmontenses.

Leia também: