Destaques Notícias

Sindsep cobra da prefeitura de Ouricuri os reajustes salariais de março a dezembro de 2019

Compartilhe

Os servidores municipais de Ouricuri contavam com o reajuste salarial e o RETROATIVO de 2019 na folha de pagamento de dezembro, conforme ficou acordado em assembleia geral com as categorias e a prefeitura.
O acordo foi firmado no mês de abril e os servidores esperaram durante todo o ano, contudo ao receberem seus vencimentos de dezembro, veio a  frustração.
Pois a Prefeitura de Ouricuri não cumpriu com o compromisso de pagar o retroativo de março a dezembro, apenas concedeu o reajuste.
De imediato o SINDSEP procurou a prefeitura para  cobrar o pagamento do retroativo e relembrou o governo de que se trata de uma lei municipal amplamente discutida com os servidores.
Onde a participação da Câmara de Vereadores foi de grande relevância na definição da data limite para o pagamento, que ficou garantido em lei que dezembro era o prazo legal final para a prefeitura honrar o reajuste de 4,61% e o retroativo de março a dezembro.
A Diretoria do SINDSEP já encaminhou ofício cobrando o pagamento do direito, inclusive o retroativo 2019 estará presente na pauta de lutas de 2020 e vamos com tudo para garantir os direitos dos trabalhadores e trabalhadoras. Em breve os filiados e filiados serão convocados para uma ASSEMBLEIA GERAL, onde serão tratados diversos temas, entre eles o retroativo 2019.

A Diretoria do SINDSEP esteve nesta quinta-feira(16) no Gabinete do Prefeito Ricardo Ramos para protocolar o Ofício nº. 002/2020 com as reivindicações relacionadas aos reajustes salariais.

A Entidade Sindical solicitou do Governo Municipal neste dia 16 de janeiro de 2020 os seguintes direitos do funcionalismo:

1-   Pagamento dos valores retroativos dos servidores, referente a 4,61%, de março a dezembro de 2019, conforme acordado e consignado em lei;

2-   Reajuste salarial de 4,71% aos servidores, retroativo a 01/01/2020, incidindo sobre o PCC-Plano de Cargos e Carreiras das categorias;

3-   Reajuste do piso salarial dos professores em 12,84%, retroativo a 01/01/2020, incidindo sobre o PCCR-Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração da categoria (Portaria Interministerial MEC/MF nº. 3);

4-   Reajuste do piso salarial dos ACS-Agentes Comunitários de Saúde e ACE-Agentes de Combate às Endemias, para R$1.400,00 (conforme Lei 13.708/2018;

Em breve os filiados e filiadas serão convocados para uma Assembleia Geral, onde a Pauta de Lutas 2020 será deliberada.

Por SINDSEP/OURICURI

Leia também: