SP: movimento de passageiros cai 88% no Terminal Rodoviário do Tietê

0
67
Passageira de ônibus no terminal Bandeira, adere ao uso de máscaras descartáveis por precaução contra o coronavírus/© Rovena Rosa/Agência Brasil

Na Barra funda, a queda de usuários chegou a 91%

O movimento de passageiros nos terminais rodoviários do Tietê, Barra Funda e Jabaquara, na capital paulista, teve forte queda em razão dos efeitos da disseminação do novo coronavírus. A queda está sendo observada desde o último dia 15. Os dados, divulgados hoje (24), são do Centro de Inteligência e Economia do Turismo (CIET), da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo. 

No terminal Tietê, por exemplo, a quantidade de passageiros de ontem (23) foi 88% menor do que o registrado no mesmo dia do ano passado. Do terminal partem os ônibus para as viagens mais distantes, como as cidades do Sul do país, do Nordeste, e até internacionais, como para Santiago do Chile.

No terminal Barra Funda, que atende as cidades do Oeste Paulista, a situação não é muito diferente. A queda de passageiros, considerando o dia de ontem em relação a mesma data do ano passado, foi 84%. Já no Terminal Jabaquara, o de menor movimento, que atende ao litoral sul paulista, a queda, na mesma comparação, foi de 91% no número de passageiros. 

“O mesmo fenômeno que começa a ser verificado nos aeroportos já está acontecendo de forma ainda mais rápida nos terminais rodoviários, por serem viagens que não são compradas ou programadas com tanta antecedência”, destacou o secretário de Turismo do Estado, Vinicius Lummetz. “Nos aeroportos, a queda acontece, porém, de forma mais lenta, já que muita gente simplesmente ainda precisa pegar avião”.

Por Bruno Bocchini – Repórter da Agência Brasil – São Paulo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui