Notícias

Mulher se apresenta à Polícia Civil afirmando ter esquartejado companheiro em Bezerros (PE)

Compartilhe


Suspeita disse que José Bezerra de Lima era violento Foto: Reprodução/TV Jornal
Uma mulher de 38 anos foi presa nesse domingo (31) suspeita de assassinar um homem em Bezerros, no Agreste de Pernambuco. De acordo com informações da Polícia Civil, Maria Cristina Lourenço Torres se entregou à polícia nesse sábado (30) afirmando que, após uma discussão por ciúmes, teria esquartejado José Bezerra de Lima, de 36 anos, com quem tinha um relacionamento amoroso, na noite da quarta-feira (27). Na casa de Maria Cristina, no Bairro Cohab, a polícia encontrou o corpo do homem em sacos plásticos, um revólver calibre 38 e nove munições intactas.

Ainda segundo a polícia, José Bezerra de Lima era casado, mas se relacionava com Maria Cristina há cerca de 15 anos. Acompanhada de uma advogada, a suspeita confessou o crime da delegacia do município. Em depoimento, ela afirmou matou o suspeito a tiros e que, para esconder o corpo, esquartejou e desossou a vítima. A suspeita disse ainda que o homem era violento e seria suspeito de vários assassinatos. “Encontramos uma lista especificando os materiais para serem utilizados no esquartejamento”, explicou o delegado Erick Lessa, responsável pelo caso.

Por ter se apresentado espontaneamente, ela foi liberada na ocasião, mas teve a prisão solicitada pelo o delegado. Maria Cristina foi detida no domingo (31) em um motel da cidade de Caruaru, também no Agreste. Ainda segundo a polícia, a acusada foi indiciada por porte ilegal de arma de fogo e homicídio qualificado, com requintes de crueldade e motivo torpe. Ela foi encaminhada para a Colônia Penal Feminina de Buíque, onde ficará à disposição da Justiça.


Do JC Online
Terça, 02 de junho de 2015 – Postado por Elismar Rodrigues

Leia também: