Brasil Política

Manifestantes fazem ato em defesa da democracia em Petrolina, PE

Compartilhe

 

Em Pernambuco, manifestantes participaram da primeira edição da Caravana Popular em Defesa da Democraciam que aconteceu na tarde desta segunda-feira (4) em Petrolina, no Sertão do estado. De acordo com a organização, 120 pessoas estiveram reunidas na Praça do Bambuzinho, no centro da cidade. A iniciativa é da Frente Brasil Popular (FBP) que é contra o processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff (PT) e contrária ao governo interino do vice-presidente Michel Temer e se coloca em defesa dos direitos sociais e trabalhistas.

Participaram da manifestação, a Central Única dos Trabalhadores (CUT), Partido dos Trabalhadores (PT), Articulação Semiárido Brasileiro (ASA), Levante Popular da Juventude, Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco (Sintepe), Marcha Mundial das Mulheres, Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), União dos Estudantes Secundaristas de Petrolina (Uespe), Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado Pernambuco (Fetape) e outras organizações.

Segundo a organização, 120 pessoas participaram da manifestação em Petrolina. A Polícia Militar (PM) não compareceu ao ato. O presidente da CUT em Pernambuco, Carlos Veras, disse que a caravana vai visitar outras cidades pernambucanas. “Hoje inicia por Petrolina e vamos percorrer o estado de Pernambuco. Seguiremos defendendo a democracia e articulando os comitês, denunciando o golpe e os golpistas”, relata.

G Petrolina

Leia também: